'O espelho reflecte certo; não erra porque não pensa.
Pensar é essencialmente errar.
Errar é essencialmente estar cego e surdo'
Alberto Caeiro

Sentidos

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Piegas


Das coisas mais simples e belas da terra,
é para o teu rosto que presto-me a olhar.

E de todas os sons e poemas das águas,
é a tua voz que faz-se pra mim,
a melodia que inspira minhas canções.

De todas as libidos que incitam o pecado,
teu cheiro é que embriaga-me todos os sentidos
fazendo-me, oras fora de mim, simplesmente
olhar teu corpo e pensar em como satisfazer-te.

E todas as rimas que aprendi a cantar,
falham ao tentar descrever com precisão,
a perfeição da tua forma assimétrica.

Confunde-me a razão o brilho dos teus olhos,
que fazem-me olhar para dentro de mim mesmo,
toda vez que tento desvendar-te um pouco mais.

Talvez por isso eu apegue-me,
à todas as coisas da imaginação...
a tudo que faz-se abstrato e ininteligível,
para entender como causas em mim
tamanho fascínio e admiração.


Hugo Roberto Bher

4 comentários:

Rafael H. Santos disse...

texto maravilhoso, não me lembro de ter lido algo q retratasse o amor de forma tão perfeita.
seu texto é incrivel!
Parabéns!

Liz disse...

Belissimo reflexo desse sentimento nobre, o amor!

**♥✿-franciete-✿♥** disse...

Volto mais tarde prometo.

ONG ALERTA disse...

Cada um reflete seu coracáo em seu espelho, beijo Lisette.

Copyright © - EspelhoSentido - is proudly powered by Blogger