'O espelho reflecte certo; não erra porque não pensa.
Pensar é essencialmente errar.
Errar é essencialmente estar cego e surdo'
Alberto Caeiro

Sentidos

quarta-feira, 1 de julho de 2009

Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades,

Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades,
Muda-se o ser, muda-se a confiança;
Todo o mundo é composto de mudança,
Tomando sempre novas qualidades.

Continuamente vemos novidades,
Diferentes em tudo da esperança;
Do mal ficam as mágoas na lembrança,
E do bem, se algum houve, as saudades.

O tempo cobre o chão de verde manto,
Que já coberto foi de neve fria,
E em mim converte em choro o doce canto.

E, afora este mudar-se cada dia,
Outra mudança faz de mor espanto:
Que não se muda já como soía.

Luís Vaz de Camões

3 comentários:

sonho disse...

E todos os dias vivemos em constante mudança...
Bom fim de semana
Beijo de um anjo

Andreia disse...

As mudanças fazem parte de nós e de nossa alma e não há nada que possamos fazer quanto a isto.
Beijos e um ótimo fim de semana!!!
Ah! adorei este seu espaço, muito bom...

Carlos Pires disse...

Algo que não muda:

Te Deum

Not because of victories
I sing,
having none,
but for the common sunshine,
the breeze,
the largess of the spring.

Not for victory
but for the day's work done
as well as I was able;
not for a seat upon the dais
but at the common table.

Charles Reznikoff

Copyright © - EspelhoSentido - is proudly powered by Blogger